descubra-as-doencas-de-cachorros-mais-comuns.jpeg

Assim como os humanos, nossos animais de estimação precisam de muitos cuidados para permanecer saudáveis. Afinal, são várias as doenças que podem afetar os cachorros, comprometendo sua saúde e sua qualidade de vida.

Como eles não podem transmitir para nós diretamente o que estão sentindo, precisamos ficar atentos para perceber quando algo estiver diferente com nossos bichinhos. Para tanto, é necessário conhecer melhor quais são as doenças de cachorro mais comuns, para que possamos saber o que deve ser feito para identificar, tratar e prevenir cada uma delas e, assim, cuidar bem de nossos pets.

Portanto, no post de hoje, apresentamos as doenças de cachorro mais comuns, para você ficar de olho e manter seu animal saudável e feliz. Fique atento, pois algumas atingem também os gatos! Vamos lá?

Depressão

Seu cãozinho está se comportando de forma diferente? Mais desanimado, sem apetite, recusando as brincadeiras habituais? Então, ele pode estar deprimido. Esse quadro pode ser resultado de grandes alterações na vida do animal, como mudança de ambiente ou de rotina, separações repentinas dos donos ou outros animais e sentimento de solidão.

Ainda não existem muitos estudos que expliquem como a depressão afeta biologicamente o corpo dos animais, mas tanto os cães como os gatos costumam demonstrar sua angústia ao se lamberem compulsivamente em alguns locais, como nas patas ou no dorso.

O melhor tratamento para a depressão canina é a atenção. Brinque bastante com seu bichinho e leve-o para passear com frequência, pois atividades físicas e contato com o ambiente externo são de grande ajuda para o bem-estar do seu amigo.

Obesidade

Sim, os animais também têm um peso ideal e, se não se alimentarem adequadamente, podem ficar obesos! Isso pode gerar uma série de complicações, como desenvolvimento de diabetes, problemas na coluna e articulações e outros problemas de saúde muito graves.

Portanto, para evitar a obesidade, alimente seu cão de acordo com o porte e  necessidades dele, fornecendo uma ração de qualidade e na quantidade indicada pelo fabricante. Além disso, é importante levá-lo para passear e brincar com ele com frequência, incentivando-o a gastar bastante energia e, assim, manter a forma e a saúde!

Otite

A otite é uma simples inflamação do ouvido, porém, se não for tratada adequadamente, pode se agravar e colocar a vida do animal em risco. Cães e gatos com otite apresentam uma coceira insistente nas orelhas, que pode levá-los a ficar balançando a cabeça devido ao incômodo. Outro sinal possível é um odor diferenciado, causado pela secreção escura ou amarelada característica da doença.

Para evitar esse problema, proteja os ouvidos do seu cachorro durante o banho. Além disso, a higienização dessa parte do corpo deve ser feita separadamente, com algodão levemente umedecido e muito cuidado.

Giardíase

Muito comum entre os cães, a giardíase deve ser tratada o mais rapidamente possível, para evitar o contágio de outros animais ou dos donos. Causada por parasitas, a doença atinge o estômago e o intestino, prejudicando a digestão e a absorção de nutrientes.

Geralmente, a giardíase provoca diarreia, vômito, perda de peso, dores abdominais e perda de apetite. Portanto, se seu pet apresentar algum desses sintomas, leve-o imediatamente ao veterinário e descubra qual é o melhor tratamento para ele!

Raiva

A raiva é uma doença muito grave e perigosa, tanto para os animais quanto para os humanos. Provocada por um vírus e altamente contagiosa, ela pode ser contraída através de mordidas, arranhões ou lambidas.

Seus sintomas estão relacionados ao sistema nervoso, podendo incluir espasmos musculares e alteração brusca no comportamento do seu melhor amigo. A melhor maneira de prevenir-se contra a doença é manter a vacinação do cachorro em dia!

Nossos cães de estimação correm muitos riscos todos os dias. Por isso, é fundamental mantê-los protegidos e prevenidos, com as vacinas e vermífugos em dia, em um ambiente limpo e com a alimentação adequada. Além disso, é essencial levar o seu bichinho ao veterinário regularmente, principalmente quando perceber que ele está diferente.

Agora que você já conhece quais são as doenças de cachorro mais comuns, fica mais fácil cuidar do seu melhor amigo! Quer continuar aprendendo mais sobre como cuidar melhor do seu pet? Então, siga-nos no Facebook, no Instagram, no Twitter, no LinkedIn e no YouTube!

4 Replies to “Descubra as doenças de cachorros mais comuns!”

  1. ola boa tarde tenho uma cachorra labrador de 3 anos … ela esta ficando com a vagina sangrando todos os dias ja tem um tempinho o que pode ser ela se alimenta normalmente mas da desespero de ver ala andando e saindo aquele sangue

Deixe seu comentário