como descobrir seu o cachorro está doente

como descobrir seu o cachorro está doente

Cães não são bichos muito discretos: eles costumam ser os próprios delatores de suas travessuras e comportamentos que não merecem exposição em galerias ou demonstração para as visitas. No entanto, quando a habitual agitação e alegria são substituídas, sem causa aparente, por uma postura cabisbaixa e um comportamento cansado, ele pode estar comunicando algo muito importante para você.

Para apurar de fato o que esses sinais significam, o melhor remédio é uma consulta com o veterinário. No entanto, cabe a você identificar de antemão se há algo errado com o seu amigão de 4 patas: confira a seguir como descobrir se o cachorro está doente!

Apetite desregulado

Ele fazia companhia em todas as refeições, sempre esperançoso por uma sobrinha, mas perdeu muito ou totalmente o apetite? Esse tipo de comportamento brusco pode significar que há algo errado e convém uma consulta com o veterinário.

Perda abrupta de peso

Assim como a falta de apetite, a perda de peso também é um sintoma fácil de perceber e que, quando ocasionada sem motivo aparente (como uma mudança de dieta ou ração), pode apontar para alguma doença que exige atendimento veterinário.

Vômito e diarreia

Diarreia ou vômito, em casos isolados, não são preocupantes. Afinal de contas, cães têm o péssimo hábito de comer primeiro e se arrepender depois.

No entanto, episódios frequentes podem ser sintomas de algum tipo de desconforto que merece um diagnóstico preciso do veterinário. Não espere para piorar e marque um horário o quanto antes.

Olhos vermelhos ou esbranquiçados

Sabia que há como descobrir se o cachorro está doente a partir dos olhos dele?

Catarata, glaucoma e outras disfunções visuais, como úlceras na córnea, são condições perigosas para o seu animalzinho de estimação. Em comum, elas possuem também um sintoma peculiar, que é a vermelhidão nos olhos do animal.

Secreções e olhos esbranquiçados também são consequências de algum incômodo que deve ser notificado ao veterinário do seu cãozinho.

Ingestão de água em excesso

Após exercícios e brincadeiras, ou mesmo nas estações mais quentes do ano, a ingestão de muita água é comum para o seu bichinho.

Mas se o mesmo ocorre sem necessidade evidente, é sinal claro de que é hora de procurar o veterinário para que um exame aprofundado seja realizado.

Coceira e lambidas em áreas do corpo

Não é novidades que os gatos fazem da língua o aparato fundamental para um delicado banho. Para cães, no entanto, é um comportamento não usual que merece sua atenção.

Em muitos casos, alguns tipos de doença se manifestam na superfície da pele, causando coceiras no corpo do animal. Tente perceber se eles lambem, coçam ou mordem com frequência alguma região do corpo.

Agora você já sabe os principais sinais para reconhecer que há algo de errado com o seu companheiro para todas as horas. Mas lembre-se: mesmo que o cão não aparente nenhum desses sinais ou sintomas, é importante levá-lo regularmente ao veterinário!

Passe o seu conhecimento adiante para amigos que também possuem animaizinhos de estimação e que farão grande uso das dicas de como descobrir se o cachorro está doente. Aproveite também para assinar a nossa newsletter: com ela, você sempre terá em mãos dicas tão importantes como as que você conhece aqui, para auxiliar no cuidado e bem-estar do seu bichinho!

Deixe seu comentário